Boa parte de um vasto material recolhido em muitos anos de pesquisas está disponível nesta página para todos os que se interessam em conhecer o futebol e outros esportes a fundo.

sexta-feira, 23 de maio de 2014

Os 100 anos do "Canarinho" de Bom Jesus do Norte

O Ordem e Progresso Futebol Clube, de Bom Jesus do Norte, cidade interiorana do Espirito Santo, é mais um cube centenário do futebol brasileiro. Foi fundado no dia 6 de maio de 1914 por seis jovens idealistas, que colocaram em prática a necessidade de haver um clube de futebol na localidade. As cores escolhidas foram o amarelo e verde.

Os fundadores do clube foram Antonio de Oliveira Borges, José de Oliveira Borges, José de Souza Firmo, José Cabeça Freire, Oswaldo Santos e Otis Menezes.

José de Souza Firmo, um dos fundadores da nova agremiação esportiva ficou encarregado de pedir ao seu pai, Carlos Firmo, a cessão de um terreno, para que nele fosse construído um estádio. E deu certo.

O terreno foi doado e até hoje nele está o Estádio Carlos Firmo. O nome é uma homenagem ao doador da área. O estádio tem capacidade para receber até 3 mil torcedores.

O maior rival do Ordem e Progresso é o Olympico, da cidade vizinha de Bom Jesus do Itabapoana, no Estado do Rio de Janeiro.

Títulos. Vice-Campeão Capixaba (1951, 1952 e 1953); Em 15 de agosto de 1959, por ocasião do desfile na Praça Governador Portela, conquistou o troféu Governador Roberto Silveira; Campeão do Torneio Incentivo do Campeonato Capixaba da 1ª Divisão (1979); Campeão Invicto da Repescagem e Seletiva da 1ª divisão Capixaba (1980); Campeão do 1º Turno do Campeonato Capixaba (1989); Campeão da L.B.D. (1957); Vice-Campeão Sulino (1962); Campeão do Torneio Início da L.D.C.I. (1965); Campeão da LIDEG (1972); Campeão da L.D.C.I. (1974); Vice-campeão da LIDEG (1976 e 1977); Campeão da Taça “A Gazetinha” e “Rede Manchete” – Divisão de Base (1986); Campeão do 2° Torneio Quadrangular Interestadual (1993) e Campeão da Taça União LRDSS (2001).

O Ordem e Progresso foi chamado carinhosamente de "Canarinho" em 1952, pela imprensa capixaba. Em vista disso o mascote do clube é um “Canário”. Em pesquisa feita pela Rádio Bom Jesus e Jornal “O Norte Fluminense” em 16 de outubro de 1957 o Ordem e Progresso foi considerado “o mais querido”, da região, com esmagadora vitória sobre os clubes do vale do itabapoana.

O presidente atual é o desportista João Carlos (Polaca).  Licenciado das atividades profissionais, o Ordem e Progresso prioriza atualmente as categorias de base.

O consagrado historiador calçadense Pedro Teixeira, está lançando um livro sobre os centenários dos clubes Olympico Futebol Clube e Ordem e Progresso Futebol Clube. O livro conta fatos pitorescos de ambas as agremiações.

As comemorações alusivas aos 100 anos começaram dia 1º de maio, com partidas de futebol entre times das Divisões de Base do Ordem e Progresso X Rio Branco, de Campos dos Goytacazes, realizadas no Estádio Carlos Firmo.

No dia 5, o clube foi homenageado pela Câmara Municipal de Bom Jesus do Itabapoana. Dia 6 foi realizado o “Forró da Melhor Idade”, com Lucinha Braga. Dia 7 foi feita a entrega de Diplomas aos Ex-Presidentes e Diplomas de Honra ao Mérito a diversas personalidades que trabalharam em prol do clube.

Dia 9, um dos pontos altos das comemorações, o “Baile do Centenário”, com a “Banda Aço Doce”. Dia 11, “Missa de Ação de Graças”, na Igreja São Geraldo.

Ainda tivemos no dia 25, um "Culto em Ação de Graças pelo Centenário", na Igreja Batista de Bom Jesus do Norte.  O Encontro dos ex-jogadores do Ordem e Progresso Fc., agendado para o dia 25 de maio, foi transferido para o dia 16 de agosto.

Com o objetivo de relembrar as histórias centenárias de Olympico e Ordem e Progresso, o Espaço Cultural Luciano Bastos e o Centro de Memória do Campus Bom Jesus, realizaram a exposição “Memórias do nosso Futebol”, que foi inaugurada no dia 15 de maio.

Coleções de faixas, medalhas e troféus conquistados pelos clubes, apresentação de banners, fotografias, documentos, uniformes, bandeiras, ingressos de jogos, entre outros objetos que contam a história do Olympico e do Ordem e Progresso, fazem parte da exposição, que ficará aberta para visitação até o dia 27 de junho.

Idealizada pela coordenadora do Espaço Cultural, Cláudia Bastos, a exposição “Memórias do nosso Futebol: 100 anos do Olympico F.C. e do Progresso F.C.” integra a 12ª Semana de Museus, promovida pelo Instituto Brasileiro dos Museus (Ibram), com o tema “Museus: as coleções criam conexões”. (Pesquisa: Nilo Dias)

Uma das primeiras formações do clube. (Foto: Acervo fotográfico do Ordem e Progresso F.C., publicadas no "Blog do Polaca" (presidente do clube)

Um comentário:

Anderson Luiz disse...

Em 76/77 fomos bi campeoes e nao vice.o time era:Roninho-joao vailan-becao-gulu-gulu e cipo(osair)-artur-emilson-haroldinho-pitota-baduca(marquinho foguete)e tres ríos.